Estrabismo

O que é estrabismo?

O estrabismo é caracterizado pelo desalinhamento dos eixos visuais em crianças e adultos, podendo comprometer a visão, se não tratado cedo.

É necessária a avaliação pelo médico especialista, tão logo haja a suspeição por parte dos pais ou responsáveis. 

Tipos de Estrabismo:

É importante reconhecer as diversas formas de estrabismo pois sua evolução e tratamento diferem. Entre elas temos:

Esotropia: corresponde a um estrabismo convergente, um olho desvia-se para dentro.

Exotropia: corresponde a um estrabismo divergente, um olho desvia-se para fora.

Hipertropia: corresponde a uma posição alta, o olhar desvia-se para cima.

Hipotropia: corresponde a uma posição baixa, o olhar desvia-se para baixo.

Como é o tratamento de estrabismo?

Somente a avaliação de um oftalmologista pode indicar o melhor tratamento para cada caso de estrabismo.

O tratamento varia de acordo com o tipo de estrabismo e condições associadas, mas basicamente resume-se no uso de óculos, tampão e cirurgia. Esses podem ser indicados individualmente, mas há casos em que é necessária a combinação de duas ou de todas essas modalidades de tratamento.

A cirurgia, quando indicada, é realizada nos músculos que controlam a movimentação dos olhos; esses podem ser enfraquecidos, reforçados ou mudados de lugar, permitindo que o posicionamento ocular seja corrigido.

Para evitar o avanço do estrabismo e o surgimento de suas complicações, é importante levar os bebês e crianças ao oftalmologista pediátrico para avaliações de rotina. Quanto mais cedo a doença for diagnosticada, maiores serão as chances de sucesso do tratamento.

Open chat